Feeds RSS
Feeds RSS

segunda-feira, 21 de maio de 2012

MEM FOX ABORDA A TERCEIRA IDADE E MEMÓRIAS

livro Guilherme Augusto Araújo Fernandes de Men Fox


Este livro é capaz de emocionar um adulto e estimular as emoções das crianças, o título é enorme e não é nada sugestivo.
Confesso que quando peguei pra ler não imaginei as entrelinhas que ele fosse me trazer. Quero compartilhar com vocês hoje um livro que fala de memórias, de terceira idade, amor, dedicação e solidariedade.


A criança é na sua natureza inocente, mas é capaz de despertar grandes emoções e Mem Fox, escritora  Australiana, com grandes títulos de sucesso, abordou este tema com muita delicadeza e foi traduzido e editado pela Brinque-book aqui no Brasil.



Men Fox escritora Australiana


O livro  carrega consigo uma sabedoria enorme quando junta uma criança e um velho. Os dois extremos da vida. Guilherme Augusto Araújo Fernandes me emociona bastante todas as vezes que leio.
Com uma linguagem simples, o livro mostra o respeito e amizade de um menino e uma velha senhora de um asilo de idosos. Cada personagem, tem uma particularidade interessante, uma característica que marca Guilherme, por ser curioso e criança.


A terceira idade tem umas sutilezas que hoje se fala e se conhece mais do que antes. Uma delas é a doença de Alzheimer, não é fácil lidar com quem não tem memórias e elas são o sustentáculo de uma vida e o fabricar de esperanças.
Imaginem pra uma criança conviver com um avô ou uma avó, que seja portador desta doença. Nada fácil não é? E pra explicar isso? Lembrando que todo esse contexto também faz parte da inclusão social.


a criança e a terceira idade
O livro traz uma linguagem poética e fala sobre compartilhar memórias.
Mas o que é memória?


Essa era a curiosidade de Guilherme e ele saiu em busca de respostas e encontrou sutilezas como: é algo que você se lembre, é algo quente, algo antigo, algo que faz chorar, algo que faz rir e  algo que vale ouro.


Então ele monta uma caixa de memórias para dona Antonia e os dois vivenciam um momento de emoção único! De belas lembranças e histórias antigas que aos poucos devolvem algumas memórias da velha senhora. É belo e todo adulto devia ler também!


Lembrando José Saramago quando ele disse:
"E se as histórias para crianças passassem a ser leitura obrigatória para os adultos? Seriam eles capazes de aprender realmente o que há tanto tempo tem andado a ensinar?
Vamos fazer umas atividades de leitura?


Antes da leitura:
Peça para que a criança tenha algo em mãos que lhe foi dado por alguém querido e que seja uma boa lembrança, acho que esse propósito pode fazê-la entender melhor esta história.
Converse com as crianças sobre as memórias, conte algumas suas e deixe que elas falem sobre as delas. Esse momento da leitura compartilhada e ainda mais com um assunto como este, vai ser muito importante para vocês.


Durante a leitura:
Pergunte o que eles pensam sobre a terceira idade e fale que estas pessoas tem uma sabedoria de vivências, que são muito importantes para o nosso aprendizado e identidade pessoal.


Após a leitura:
Que tal vocês fazerem uma atividade de jogo de memória?
Vocês podem brincar juntos e descobrirem como é importante prestar a atenção nas coisas e  ver a vida com mais afinco. 
Uma outra atividade pode ser de desenho, peça para que a criança desenhe várias memórias de acordo com alguns momentos. Podem ser memórias engraçadas de férias, de tristezas, de viagens e por que não de perdas?


Não deixem de ler este livro!
Ele é belíssimo!
beijos
Cristiane Quintas